FAZENDO AS MALAS

- Dicas, Viagens

Como fazer as malas?

 

Gostaria muito de fazer um post prático e assertivo que ajudasse a todos a fazer as malas, mas, tá ai uma tarefa muito difícil para mim. Se em viagens domesticas eu sempre acabo levando mais que o necessário, quem dirá fazer as malas para ficar um ano morando fora e sem saber o clima dos lugares que vou frequentar.

Então foram as minhas técnicas na hora de escolher as malas e tentar não exceder os limites de peso.

 

ESCOLHENDO A MALA

Na hora de comprar queria uma super top cheia de frescurites (porque sou fofa e queria uma mala fofa!), mas, minha mãe me convenceu que seria jogar dinheiro fora, as malas são despachadas, então só são vistas chegando e saindo do aeroporto, sem contar que as companhias não tem cuidado na hora de transportar e sempre acabam quebrando algo, então escolhi uma que achei “bbb” boa, bonita e barata. Comprei pela internet nesse site aqui   pague R$ 218, 00 cada, ótimo acabamento, aparentemente resistente, tem o cadeado TSA e coube tudo q eu precisava.

 

Yins Brasil - Modelo YS01100 Rosa

Yins Brasil – Modelo YS01100 Rosa

FAZENDO A MALA

Antes de fazer as malas pensei em todas as coisas que queria comprar para não levar e também conversei com alguns amigos que já moram por lá para saber o que eles costumam usar já que estão habituados ao clima, lugares, estilos e o principal o preço das coisas a principal recomendação foi levar tênis e sapatos confortáveis de preferência impermeáveis, roupas mais grossa, mas já sabia que mesmo algumas roupas de inverno não serviriam para o inverno de lá.  E caso não eu não tivesse seria melhor comprar quando chegasse porque compensa comprar no Brasil por causa do preço.

Na hora de colocar as coisas nas malas também é importante se atentar a maneira de dobrar e separar as coisas, isso faz toda a diferença, e também coloquei as coisas mais volumosas em sacos a vácuo, mas vale lembrar que eles só diminuem o volume e não o peso.

 

EMBARQUE E DESEMBARQUE

Antes de embarcar mandei envelopar no aeroporto mesmo com papel filme, achei mais seguro e paguei R$60,00 reais por mala incluindo um seguro bagagem de cinco mil reais no caso de extravio e mil reais por atraso de bagagem.

No desembarque graças a Deus minhas malas estavam inteiras e me esperando!!!!

 

Ufaaaa!!!

 

Post Anterior
Próximo Post

Você pode gostar também

Sem Comentários

Deixe um comentário